É grande o número de pessoas que possuem algum receio de entregar o currículo vazio, porém, isso não pode impedir você de tentar vagas de trabalhos, afinal, como é que você conseguirá emprego sem entregar currículo.

Pensando em ajudar essas pessoas a preparar um currículo vistoso e organizado, decidimos preparar este artigo com algumas dicas de como deve ser a estrutura de um bom currículo.

Acompanhe esse artigo atentamente até o final e veja informações que podem te levar a montar o currículo ideal para quem deseja arrumar um emprego.

Boa leitura!

Conhecendo as etapas para montar o currículo

Um bom currículo deve ser objetivo e bem organizado, de forma a atrair a atenção do contratante e deixar claro quem é você e como você pode agregar. Mas cuidado para não se empolgar, o excesso de palavras e o exagero podem tornar a leitura cansativa e te prejudicar no processo de seleção.

É recomendável que você procure alguns modelos de currículo pronto para ter uma melhor idéia de como separar os tópicos citados nesse artigo e escolher o melhor designe para usar no seu currículo.

Confira abaixo algumas dicas de como o currículo ideal deve ser estruturado.

Tópico 1 – Dados pessoais

O início do currículo deverá apresentar quem é o candidato, ou seja, qual é o seu nome completo, a sua idade, estado civil, cidade, e-mail, telefone, endereço.

Não é necessário informar CEP, CPF, RG.

Tópico 2 – Objetivo

Qual é o seu objetivo de trabalho na empresa em que você está se aplicando para um trabalho? É nessa seção que você deverá escrever, de forma sucinta e bem direta, usando termos genéricos, qual é o seu cargo de interesse.

Tópico 3 – Qualificações

É fundamental que os candidatos consigam aproveitar esse espaço para descrever dados positivos sobre a carreira, mesmo que nunca tenha tido grandes experiências.

O objetivo principal nessa etapa é prender a atenção de quem estiver recrutando e que ele chegue até o fim do currículo.

Tópico 4 – Formação

É extremamente necessário que o candidato coloque seu grau de escolaridade, mesmo quem não tem nível superior, deverá informar o médio, já quem tem MBA, cursos técnicos e pós-graduação também deve descrever essas informações.

Além disso, é importante informar nome da instituição de ensino que se formou, o ano de estudo e qual curso foi realizado.

Tópico 5 – Experiências

Se esse é o seu primeiro currículo, logo é possível que você não tenha tido muito experiência, porém, você deve citar os trabalhos eventuais em algum tipo de empreendimento júnior, estágios, ou qualquer responsabilidade que já teve.

O importante é não deixar essa parte em branco.

Nunca desanime na busca de um emprego!

Jamais pare de entregar currículo, a busca pelo primeiro trabalho é complicada, trabalhosa, mas isso não quer dizer que você não vá conseguir um bom emprego, o currículo ideal você já sabe como fazer, agora é o momento de entregar até encontrar a oportunidade certa para você.

Gostou das nossas dicas de como estruturar o seu currículo? Então aproveite o espaço abaixo para deixar o seu comentário e não esqueça de compartilhar o artigo em suas redes sociais!